• Andrey Daher Coelho

[Review] Voice of Cards: The Isle Dragon Roars - Um novo RPG de cartas ao melhor estilo RPG de Mesa

Abra a sua mente e deixa que a história se desenrole.



Voice of Cards: The Isle Dragon Roars é um RPG localizado num mundo de espadas e feitiçaria e apresentado por completo com a ajuda de cartas. A história segue um autoproclamado herói que parte numa missão para eliminar um dragão que acabou de despertar, e é apresentada na forma de um RPG de tabuleiro narrado pela voz do mestre do jogo. Desfruta de uma experiência de jogo ao mesmo tempo nova e nostálgica de YOKO TARO (diretor criativo), Keiichi Okabe (música) e Kimihiko Fujisaka (design das personagens).


Partindo desse conceito, nós separamos também algumas dicas para os jogadores que pretendem iniciar essa jornada.



DICAS E TRUQUES


Bem-vindo a Voice of Cards: The Isle Dragon Roars. Convidamos você a explorar e aprender mais sobre a história e personagens em uma experiência narrativa única. Aqui estão algumas dicas e truques úteis que podem ajudar você em sua jornada:


• Explorar o mapa: pode demorar algum tempo, mas é recomendável explorar todo o mapa. Você vai encontrar baús aleatórios com ouro ou itens, pedaços de papel com pistas que levarão ao tesouro, bem como encontros com monstros e NPCs que podem ajudar ou atrapalhar. Sinta-se à vontade para lutar todas as batalhas que você entre para ganhar o EXP ou ouro.


• Uma Variedade de Cartas: Recomenda-se manter uma variedade de cartas de magia / habilidade em seu deck. Fazendo assim, aumentará suas chances de lutar com sucesso contra monstros com fraquezas variadas.


• Personalize sua equipe: Cada personagem tem habilidades específicas que só eles podem aprender. Experimente para encontrar uma equipe ao seu gosto.


Dois curandeiros: para o jogo final, pode ser uma boa ideia manter dois "curandeiros" no grupo, um que possa curar uma única pessoa com uma boa quantidade de HP e depois outra que pode lançar uma cura AOE.


• Converse: Fale com todos os NPCs da cidade, pois alguns oferecerão um cartão especial dependendo do sua interação com eles. Embora não possamos dizer quantos são no total, coletá-los pode se provar útil para alguma coisa.


• Flip Stories: para aqueles que gostam da tradição do estilo YOKO TARO e da intriga dos personagens, quando um cartão NPC for “invertido”, você descobrirá mais sobre eles em algumas linhas de texto.


o Estas são semelhantes às histórias de armas da série NieR.



• Novo jogo +: Novo jogo + abrirá uma masmorra oculta com um inimigo poderoso.

o Neste jogo, você tomará muitas decisões em várias cenas. Alguns elementos podem ser

alterado dependendo da sua escolha. Depois de terminar o jogo pela primeira vez, você pode desfrutar a jogabilidade com New Game +. No segundo e após o jogo, você pode voltar ao iníco e salvar o jogo anterior e alterar suas escolhas.


Além disso o game também apresenta um modo multiplayer local que vamos detalhar logo abaixo:



• The Game Parlor apresenta conteúdo divertido em um jogo de cartas separado que pode ser jogado localmente com amigos em um único sistema ou contra um NPC AI no jogo.


A regra básica é ter mais pontos quando as cartas acabarem, criando pares,

três iguais ou três em uma fileira.

Existem três variações adicionais para o jogo básico que introduzem habilidades e eventos que pode afetar você mesmo ou outros jogadores, junto com uma carta Joker. Duas das variações também aumentam o número de cartas usadas no baralho.

▪ Simples: 1-8 cartões

▪ Adicionar habilidades: 1-8 cartas, efeitos de habilidade adicionados,

▪ Adicionar eventos: 1-10 cartas, cartas de habilidade e cartas de evento adicionadas,

▪ Incluir tudo: Todas as cartas (Ás a Rei), cartas de habilidade e cartas de evento adicionadas, e o cartão Joker está incluído.

Tente manter a carta de valor mais alto como sua carta de espera para aumentar sua chance de fazer um par / corrida de alta pontuação.



O áudio do jogo é muito bom também e merece ser notado, a trilha sonora bem composta, as vozes do narrador é um ponto forte na leitura da história e o único ponto negativo que eu colocaria é o fato de o jogo não ter suporte para a nossa língua, o português brasileiro.


Graficamente falando, o jogo é em 2D e com as artes lindíssimas que estamos acostumados a ver em jogos da Square Enix. As cartas tem artes muito atraentes e que mantém os jogadores sempre empolgados para conseguir mais delas em seu deck.



Veredito

Voice of Cards: The Isle Dragon Roars é um jogo de RPG bem diferente mas muito bom. Ele é a pedida ideal para quem curte um bom RPG de mesa e de quebra ama jogos de cartas. Essa mistura é algo sensacional e que nos trás uma perspectiva diferente de tudo que existe hoje na indústria, com o toque artístico da Square Enix, tudo isso se torna um pacote muito interessante para se ter, principalmente para quem gosta de jogar também no modo portátil do Nintendo Switch, parece que esse tipo de jogo fica ainda mais legal em um dispositivo portátil. Um ponto chato a se falar é a ausência do português no jogo, então é recomendado que os jogadores que não sabem ler em inglês e queiram jogar o game, mudem a linguagem para o espanhol nas opções. Voice of Cards é um jogo muito legal e que talvez tenha se passado despercebido pelos holofotes em meio a tantos lançamentos nesse final de ano, mas que sem sombra de dúvidas merece que os fãs de RPG dêem uma atenção pois vale muito apena.

Note: 8.5/10