• Andrey Daher Coelho

[Especial] Pikmin - Conheça todo o universo da série antes de jogar Pikmin 3 Deluxe



Pikmin foi lançado em 2001, desenvolvido e publicado pela Nintendo para o GameCube . O jogo foi criado e produzido por Shigeru Miyamoto e revolucionou todo o gênero de jogos de estratégia em tempo real . A história do primeiro jogo se concentra em um piloto alienígena, o Capitão Olimar, que caiu em um planeta misterioso(Terra) e deve fazer uso de uma espécie nativa chamada "Pikmin" para encontrar as peças que faltam em sua nave, a fim de escapar em 30 dias. Os jogadores assumem o controle de Olimar e ao direcionar as diferentes variedades de Pikmin para explorar os vários níveis do jogo, superando obstáculos e criaturas hostis, a fim de encontrar e recuperar as peças perdidas da nave. Mas com apenas 30 dias para poder obter sucesso, o game conta ainda com 5 finais diferentes, sendo que apenas 2 são finais bons.


O jogo foi um sucesso de crítica e comercial, gerando mais três jogos na série: Pikmin 2 (2004) para o GameCube, Pikmin 3 (2013) para o Wii U e Hey! Pikmin (2017) para o 3DS. (Também tivemos versões de Pikmin 1 e 2 para Nintendo Wii com o uso do sensor de movimento através do wii remote)


Em 2009 (ou 2008 no Japão), Pikmin foi relançado para o Wii como parte do New Play Control! Series. Em 2016 (ou 2017 no Japão), a versão Wii de Pikmin foi relançada para o Wii U.



O principal objetivo do jogo é recuperar as peças da nave usando as três variedades de Pikmin disponíveis em diferentes combinações. O capitão Olimar descobre híbridos planta-animal multicoloridos que de boa vontade seguem suas ordens e o ajudam a recuperar as partes. Todas as três cores Pikmin que Olimar descobre devem ser usadas para superar vários obstáculos e completar o jogo. As criaturas Pikmin vêm em três cores, incluindo vermelho, amarelo e azul. Red Pikmin é o primeiro tipo encontrado no jogo, e mais poderoso do que as outras duas variedades e resistente ao fogo. Pikmin amarelo pode ser arremessado mais alto do que os outros dois, pode carregar explosivos chamados de "pedras de bomba", e também se destacam em trivialidades (conforme lido no Diário do Capitão Olimar na noite 17). Eles são utilizados em várias tarefas, incluindo carregar objetos e inimigos, derrubar paredes e derrotar inimigos. Os Blue Pikmin são os únicos que conseguem sobreviver na água. Os objetos que podem ser carregados variam entre as peças da nave, corpos inimigos e afins. Apenas 100 Pikmin podem estar no solo por vez.



O prazo é dividido em trinta dias. Com exceção do primeiro dia, que dura até o jogador encontrar a primeira parte da nave, todos os dias do jogo duram cerca de treze minutos. Ao final de cada dia, todos os Pikmin devem ser imediatamente colocados de volta nas onions, o trabalho interrompido e Olimar deve retornar com os Pikmin a nave (exceto para aqueles ociosos na área de desembarque). A razão para isso é que muitas das criaturas que habitam o planeta dos Pikmin são predadores noturnos e comem todos os Pikmins desacompanhados na superfície após o pôr do sol. O jogo tem três finais diferentes, dependendo do progresso de Olimar na coleta de peças de navios. Coletar todas as trinta concede o melhor final, enquanto coletar pelo menos as vinte e cinco partes obrigatórias dentro do prazo de 30 dias concede o final normal.



Além da jogabilidade principal, Pikmin também contém um modo de desafio que é desbloqueado quando Olimar obtém todos os três tipos de Pikmin. Cada um dos cinco níveis do jogo principal está disponível para jogar. O objetivo do modo de desafio é aumentar o maior número de Pikmin em um dia possível.


Shigeru Miyamoto teve a genial ideia de criar o game, ao observar o jardim de sua casa, mostrando que a criatividade da mente de um gênio, em coisas simples, transformando em algo complexo e lindo.


O enredo do primeiro jogo foca na história do Capitão Olimar, depois de ter feito um pouso de emergência em um planeta desconhecido e construído uma amizade com criaturas híbridas entre plantas e animais, que ele chama de Pikmin. Olimar tem que juntar os pedaços restantes da sua nave quebrada para escapar antes que seu suprimento de ar acabe completamente e ele sucumba à atmosfera rica em oxigênio do planeta, que é tóxica para sua espécie.(e na verdade também é tóxica para nós humanos, pois é graças ao oxigênio que envelhecemos). O game também conta com 3 finais diferentes, dependendo do que o jogador faça no decorrer dos 30 dias.



Pikmin 2


Pikmin 2, lançado em 2004, se passa imediatamente após os eventos de Pikmin. Quando Olimar retorna ao seu planeta, Hocotato (Hocotate), ele descobre que seu empregador, a empresa de Frete de Hocotato (Hocotate Freight), havia criado dívidas severas. Quando o presidente da companhia descobre que o souvenir que Olimar havia trazido com ele tinha valor significativo, ele ordena que Olimar e Louie, outro empregado, voltem ao planeta dos Pikmin para juntar tesouros com o objetivo de pagar as dívidas.



Basicamente Pikmin 2 se resume a isso, uma premissa muito simples, mas que na prática se desenvolve muito bem. No segundo jogo nós encontramos um background ainda mais sombrio, onde passamos a ter certeza da existência da humanidade em um passado recente na terra, e inclusive o game nos dá a entender que a humanidade foi destruída por uma possível guerra nuclear, devido ao alto nível de radiação encontrado. É possível achar objetos de utensílios domésticos das pessoas espalhadas nas fases, assim como vestígios caseiros. O final do segundo jogo é também intrigante e faz ligação direta com alguns mistérios do terceiro jogo.



Hey! Pikmin


Um título da série para o Nintendo 3DS foi anunciado em uma Nintendo Direct em setembro de 2016 como um jogo de ação com rolagem lateral, com uma data de lançamento de 2017.Em uma Nintendo Direct em abril de 2017, o título do jogo foi anunciado como Hey! Pikmin e sua data de lançamento foi confirmada para 28 de julho de 2017.O jogo foi desenvolvido pela japonesa Arzest.



A história desse "spin off" é a seguinite: Olimar está voando no espaço em sua nova nave, a SS Dolphin II, quando atinge um asteróide e aterrissa em um planeta desconhecido. Ele descobre que, para colocar sua nave de volta em funcionamento, ele deve coletar 30.000 da substância conhecida como Sparklium. Ele logo reencontra os Red Pikmin, que ele descobre que pode usar para carregar tesouros ricos em Sparklium e sementes parecidas com bolotas. Esses "tesouros" geralmente são objetos domésticos comuns, como copos ou pasta de dente. À medida que Olimar procura mais setores do planeta, ele encontra Yellow Pikmin, Blue Pikmin, Rock Pikmin e Winged Pikmin nessa ordem. Assim que o jogador reunir 30.000 Sparklium, Olimar descobre que deve recuperar um componente essencial necessário para consertar a nave, o Sparklium Converter. No entanto, é revelado que o mesmo foi comido pelo Beserk Leech Hydroe, um gigante semelhante a uma planta que ele deve lutar. Depois de derrotá-lo e obter o conversor, Olimar volta para seu planeta natal, Hocotate. Um enredo mais uma vez simples, mas que na prática se desenvolve de forma brilhante e também revela mais uma vez alguns segredos sombrios de background.



Agora no dia 30 de Outubro, teremos a versão Deluxe de Pikmin 3 para Nintendo Switch, e sem sombra de dúvidas eu pretendo trazer uma review sobre esse jogo, por isso não o incluí nessa lista, justamente para os que nunca jogaram o terceiro jogo da série, possam entrar de cabeça agora com essa ótima oportunidade. Pikmin é sem sombra de dúvidas um jogo muito mais rico e obscuro do que os olhos podem ver. Não se engane com o visual fofo e colorido dos personagens, pois é um game totalmente rico e artisticamente completo. Podemos afirmar que os jogos de estratégia em tempo real foram redefinidos com a chegada da série, que só de ter o DNA de Shigeru Miyamoto, já nos mostra que existe sim, tudo de melhor do maior gênio da história dos games. Mas e vocês queridos leitores, estão ansiosos para jogar Pikmin 3 Deluxe no Nintendo Switch? Vamos trocar aquela ideia, sobre esse jogo que é um dos melhores jogos pós apocalíticos já criados.

  • Página do Facebook
  • Twitter - The Games
  • Canal The Games - Nintendo
  • Instagram

    Gostou da leitura? Doe agora e me ajude a proporcionar notícias e análises aos meus leitores  

© Criado por Andrey Daher Coelho.